Homilia Diária 31/12/17

Evangelho – Lc 2,22-40

O menino crescia cheio de sabedoria.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 2,22-40

22Quando se completaram os dias
para a purificação da mãe e do filho,
conforme a Lei de Moisés,
Maria e José levaram Jesus a Jerusalém,
a fim de apresentá-lo ao Senhor.
23Conforme está escrito na Lei do Senhor:
‘Todo primogênito do sexo masculino
deve ser consagrado ao Senhor.’
24Foram também oferecer o sacrifício
- um par de rolas ou dois pombinhos –
como está ordenado na Lei do Senhor.
25Em Jerusalém, havia um homem chamado Simeão,
o qual era justo e piedoso,
e esperava a consolação do povo de Israel.
O Espírito Santo estava com ele
26e lhe havia anunciado que nóo morreria
antes de ver o Messias que vem do Senhor.
27Movido pelo Espírito, Simeão veio ao Templo.
Quando os pais trouxeram o menino Jesus
para cumprir o que a Lei ordenava,
28Simeão tomou o menino nos braços
e bendisse a Deus:
29‘Agora, Senhor, conforme a tua promessa,
podes deixar teu servo partir em paz;
30porque meus olhos viram a tua salvação,
31que preparaste diante de todos os povos:
32luz para iluminar as nações
e glória do teu povo Israel.’
33O pai e a mãe de Jesus estavam admirados
com o que diziam a respeito dele.
34Simeão os abençoou e disse a Maria, a mãe de Jesus:
‘Este menino vai ser causa
tanto de queda como de reerguimento
para muitos em Israel.
Ele será um sinal de contradição.
35Assim serão revelados
os pensamentos de muitos corações.
Quanto a ti, uma espada te traspassará a alma.’
36Havia também uma profetisa, chamada Ana,
filha de Fanuel, da tribo de Aser.
Era de idade muito avançada;
quando jovem, tinha sido casada
e vivera sete anos com o marido.
37Depois ficara viúva,
e agora já estava com oitenta e quatro anos.
Nóo saía do Templo, dia e noite servindo a Deus
com jejuns e orações.
38Ana chegou nesse momento
e pôs-se a louvar a Deus e a falar do menino
a todos os que esperavam a libertação de Jerusalém.
39Depois de cumprirem tudo, conforme a Lei do Senhor,
voltaram à Galiléia, para Nazaré, sua cidade.
40O menino crescia e tornava-se forte,
cheio de sabedoria;
e a graça de Deus estava com ele.
Palavra da Salvação.

Share on Facebook

Leia Mais

Homilia Diária 10/9/17

Evangelho – Mt 18,15-20

Se ele te ouvir, tu ganharás o teu irmão.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 18,15-20

Naquele tempo, Jesus disse a seus discípulos:
15Se o teu irmão pecar contra ti, vai corrigi-lo,
mas em particular, à sós contigo!
Se ele te ouvir, tu ganhaste o teu irmão.
16Se ele não te ouvir,
toma contigo mais uma ou duas pessoas,
para que toda a questão seja decidida
sob a palavra de duas ou três testemunhas.
17Se ele não vos der ouvido, dize-o à Igreja.
Se nem mesmo à Igreja ele ouvir,
seja tratado como se fosse um pagão
ou um pecador público.
18Em verdade vos digo,
tudo o que ligardes na terra será ligado no céu,
e tudo o que desligardes na terra
será desligado no céu.
19De novo, eu vos digo:
se dois de vós estiverem de acordo na terra
sobre qualquer coisa que quiserem pedir,
isto vos será concedido por meu Pai que está nos céus.
20Pois onde dois ou três estiverem reunidos em meu nome
eu estou ali, no meio deles.’
Palavra da Salvação.

Share on Facebook

Leia Mais

Salmo 7/7/17

Salmo – Sl 105, 1-2. 3-4a. 4b-5 (R. 1a)

R. Dai graças ao Senhor, porque ele é bom.
Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia

1Dai graças ao Senhor, porque ele é bom, *
porque eterna é a sua misericórdia!
2Quem contará os grandes feitos do Senhor? *
Quem cantará todo o louvor que ele merece?R. 

3Felizes os que guardam seus preceitos *
e praticam a justiça em todo o tempo!
4aLembrai-vos, ó Senhor, de mim, lembrai-vos, *
pelo amor que demonstrais ao vosso povo!R. 

4bVisitai-me com a vossa salvação, *
5para que eu veja o bem-estar do vosso povo,
e exulte na alegria dos eleitos, *
e me glorie com os que são vossa herança.R. 

Share on Facebook

Leia Mais

Salmo 1/7/17

Salmo – Lc 1,46-47. 48-49. 50-51. 52-53. 54-55 (R.Cf.54b)

R. O Senhor se lembrou de mostrar sua bondade.

46A minh’alma engrandece ao Senhor, *
47e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador,R. 

48pois, ele viu a pequenez de sua serva, *
eis que agora as gerações hão de chamar-me de bendita.
49O Poderoso fez por mim maravilhas *
e Santo é o seu nome!R. 

50Seu amor, de geração em geração, *
chega a todos que o respeitam.
51Demonstrou o poder de seu braço, *
dispersou os orgulhosos.R. 

52Derrubou os poderosos de seus tronos *
e os humildes exaltou.
53De bens saciou os famintos *
e despediu, sem nada, os ricos.R. 

54Acolheu Israel, seu servidor, *
fiel ao seu amor,
55como havia prometido aos nossos pais, *
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.R. 

Share on Facebook

Leia Mais

Homilia Diária 10/3/17

Evangelho – Mt 5,20-26

Vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 5,20-26

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
20Se a vossa justiça não for maior
que a justiça dos mestres da Lei e dos fariseus,
vós não entrareis no Reino dos Céus.
21Vósouvistes o que foi dito aos antigos:
‘Não matarás!
Quem matar será condenado pelo tribunal’.
22Eu, porém, vos digo:
todo aquele que se encoleriza com seu irmão
será réu em juízo;
quem disser ao seu irmão: ‘patife!’
será condenado pelo tribunal;
quem chamar o irmão de ‘tolo’
será condenado ao fogo do inferno.
23Portanto, quando tu estiveres levando
a tua oferta para o altar, e ali te lembrares
que teu irmão tem alguma coisa contra ti,
24deixa a tua oferta ali diante do altar,
e vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão.
Só então vai apresentar a tua oferta.
25Procura reconciliar-te com teu adversário,
enquanto caminha contigo para o tribunal.
Senão o adversário te entregará ao juiz,
o juiz te entregará ao oficial de justiça,
e tu serás jogado na prisão.
26Em verdade eu te digo: dali não sairás,
enquanto não pagares o último centavo.
Palavra da Salvação.

Reflexão – Mt 5, 20-26

Todas as pessoas costumam falar em justiça ,mas para a maioria delas o fundamento dessa justiça são princípios e valores humanos, principalmente o que está escrito nas leis. Para nós cristãos, esse critério não é suficiente para entendermos verdadeiramente o que é justiça. Não é suficiente em primeiro lugar porque nem tudo o que é legal, é justo ou moral, como por exemplo a legalização do divórcio, do aborto ou da eutanásia. Também devemos levar em consideração que todas as pessoas, embora sejam seres naturais, possuem um dom de Deus que faz delas superiores à natureza, participantes da vida divina, e como Deus é amor, o amor é, para quem crê, o único e verdadeiro critério da justiça.
Share on Facebook

Leia Mais